2 de outubro de 2012

''Eu posso ser uma leve brisa, calma e tranquila,OU, posso ser uma tempestade com trovoadas. Basta vc escolher o que prefere...Cabe a vc saber com quem quer lidar...''

Carinho postado por Aline Zuque. às 19:07



*´¨)
¸.•´¸.•*´¨
(¸.•´ ♥ "Não me prendo a nada que me defina. Sou companhia, mas posso ser solidão; tranquilidade e inconstância; pedra e coração. Sou abraços, sorrisos, ânimo, bom humor, sarcasmo, preguiça e sono. Música alta e silêncio. Serei o que você quiser, mas só quando eu quiser. Não me limito, não sou cruel comigo! Serei sempre apego pelo que vale a pena e desapego pelo que não quer valer...
Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato. Ou toca, ou não toca."
Eu sou uma pergunta de certo.
Uma pergunta que não deseja ser respondida.
Que também não se contenta com as respostas
porque acha tudo um tanto quanto relativo.
Meus braços são por demais pequenos para o mundo que eu quero abraçar.
E meu coração é por demais tortuoso para não causar espanto.
Quero tudo!
Agora!
Quem me acompanha que me acompanhe: a caminhada é longa, é sofrida,
mas é vivida.
"A arquitetura da minha alma é barroca. Sou fraca, sou forte, sou luz, sou sombra. Sou de aço, sou de flores."
*´¨)
¸.•´¸.•*´¨
(¸.•´ ♥

1 borboletas voando:

Postar um comentário

  • RSS
  • Facebook
  • Meu Orkut
  • Meu outro blog